terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Poema diluído, de Gabriela Marcondes

No aniversário de 80 anos de Augusto de Campos, um vídeo-poema de Gabriela Marcondes, uma das poetas mais ativas e criativas da poesia visual contemporânea. “Poema diluído” mistura fragmentos de Cruz e Souza, Augusto dos Anjos, Fernando Pessoa, Florbela Espanca e Machado de Assis em ambiente digital, numa experiência que une novas tecnologias, visualidade e construção formal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

satara