segunda-feira, 31 de maio de 2010

"Inverdades" no Prêmio Portugal Telecom


Já dizia Mark Twain que “a diferença entre realidade e ficção é que a ficção faz mais sentido”. Definição perfeita para o jogo de esconde-esconde entre real e imaginário de Inverdades, quinto livro de André Sant'Anna -- um dos semifinalistas do Prêmio Portugal Telecom 2010. Em 15 contos, Marilyn Monroe, John Lennon e outros nomes com milhões de entradas no Google são surpreendidos em situações inóspitas, impensáveis, ou, pelo contrário, incrivelmente coloquiais. Situações que os obrigam a retirar a máscara, revelando um lado frágil, desamparado e humano. Seria esse o seu lado verdadeiro? – pergunta o leitor.

No tapete vermelho de Inverdades desfilam presidentes da República, modelos-atrizes, gênios do jazz, astros do rock. Neste duelo entre verdade e mentira, quem sai ganhando é o leitor, brindado com a narrativa dinâmica, o texto provocador, e o olhar agudo sobre a realidade. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

satara